Os cabelos são parte essencial do visual e constituem uma forma de expressar o estilo e a personalidade de alguém. No entanto, apesar dos cuidados que possuímos com eles, algumas doenças e problemas do couro cabeludo podem aparecer.

Frente a isso, elas devem ser tratadas o mais rápido possível e da maneira mais adequada. Você sabe como? Se não sabe, fique conosco. No post de hoje, apresentaremos as principais doenças do couro cabeludo e como resolvê-las.

 

1. Caspa

 

O que é?

 

A caspa é uma das doenças mais comuns do couro cabeludo. A doença constitui-se de uma oleosidade excessiva da pele, acompanhada de inflamações e descamações.

Conforme aponta a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), a caspa faz com que o couro cabeludo fique sensível e vermelho (caso esteja inflamado) ou apresente descamação na forma de crostas que, quando removidas, podem ferir a pele. 

Por que acontece?

A causa da caspa ainda não é conhecida pelos médicos, mas pode estar relacionada ao estresse, genética, mudanças climáticas e ao aparecimento de fungos.

Como tratar?

O melhor tratamento será apontado pelo médico dermatologista. Porém, geralmente está associado ao uso de xampus específicos, evitando água muito quente e, em casos mais graves, o uso de medicamentos.

 

 

2. Queda de cabelos
O que é?

queda de cabelo, ou alopecia, pode ser definida como a queda excessiva de cabelos. É claro que estamos constantemente trocando os nossos cabelos, mas isso pode ser um problema quando a velocidade com que acontece é exagerada.

Por que acontece?

As causas da queda de cabelos variam bastante: podem ser desde estresse e baixa imunidade até questões hereditárias, descontrole hormonal, má alimentação, excesso de exposição ao sol e falta de atividades físicas.

Como tratar?

Como as causas são muito variadas, a melhor saída para quem sofre de queda capilar é a consulta com um especialista. Isso porque ele agirá visando achar dentre as inúmeras possibilidades a causa exata do seu problema — passando, então, a atuar no sentido de solucioná-la.

 

 

3. Psoríase
O que é?

A psoríase é uma doença crônica e não contagiosa que pode aparecer não só no couro cabeludo, mas também em qualquer lugar do corpo. Os principais sintomas constituem em: manchas vermelhas com escamas secas e esbranquiçadas, pele ressecada e rachada, acompanhada de coceiras, dor e sensação de queimação no local.

Por que acontece?

As causas da psoríase ainda são desconhecidas, porém acredita-se que podem estar relacionadas com o sistema imunológico, com a hereditariedade, bem como com as relações que a pessoa tem com o meio ambiente. 

Como tratar?

Primeiramente, é necessário pautar que há uma série de variações da doença e cada uma exige um tratamento específico. No entanto, de forma geral, o tratamento consiste em hidratar a pele, expor a região ao sol e aplicar medicamentos tópicos no local.

Mas é claro que o tratamento só deve ser realizado com o acompanhamento de um médico.

 

 

4. Tinha
O que é?

A tinha do couro cabeludo trata-se de uma infecção de origem fúngica altamente contagiosa pelo contato. Ela consiste em folículos pilosos, os quais formam placas pruriginosas de pele descamada no couro cabeludo. Os principais sintomas são: coceira no local e pele descamada, cabelo quebradiço, febre baixa e inchamento dos linfonodos.

Por que acontece?

Como se trata de uma doença contagiosa, o contato com pessoas infectadas por meio do compartilhamento de escovas de cabelo, toalha e lençóis é a forma mais comum de se adquirir a doença. É por isso que lugares muito cheios e hábitos higiênicos inadequados podem aumentar o risco de contração da tinha.

Como tratar? 

O médico dermatologista provavelmente tratará a doença por meio de medicamentos orais e/ou xampus antifúngicos. A cura da doença é lenta, podendo levar mais de um mês para se observar melhoras.

 

Gostou do nosso post? Você já conhecia esses problemas do couro cabeludo? Então por que não deixa um comentário para a gente contando suas experiências?