São tantos os produtos para cabelos que vemos por aí que até ficamos perdidas na hora da escolha. Entre as opções de condicionador, creme de hidratação, nutrição capilar, shampoo, ainda temos o tal shampoo 2 em 1. Esse tipo de produto possui, em uma única fórmula, shampoo e condicionador. Parece ser uma opção bem prática, porém, será que essa composição vale a pena? Tanto blogueiras quanto especialistas acham que não, mas por quê? É o que você vai descobrir no nosso post.

 

Shampoo 2 em 1 não é a melhor opção

O shampoo não pode ficar sem o seu fiel escudeiro, o condicionador, mas misturar os dois pode não ser uma boa ideia. Por mais que pareça prático e mais rápido, esse não é um bom produto para levar pra casa. Tanto um quanto o outro possuem uma boa quantidade de água (mais ou menos metade do produto total), espessantes e perfume que cumprem funções diferentes, limpar e condicionar. Então, juntá-las em uma única embalagem não é eficiente.

As funções de cada produto

Vamos entender o que cada um deles faz. O shampoo tem a função da limpeza, abrindo as fibras dos fios para poder remover toda a sujeira dentro das cutículas. Já o condicionador precisa selar essas cutículas e hidratar os fios, deixando-os macios e reduzindo o volume. O mais importante é o que difere um do outro, a presença de detergente no shampoo e a concentração de surfactantes em cada um.

Mas o que são surfactantes?

Eles são os principais agentes da limpeza dos fios. Os surfactantes solubilizam a sujeira que tem no cabelo para remover qualquer resquício dela. Enquanto o shampoo possui surfactantes aniônicos que deixam o cabelo carregados eletrostaticamente, o condicionador apresenta surfactantes catiônicos. Dessa forma eles conseguem neutralizar os efeitos gerados pelos surfactantes do shampoo.

Por causa disso é até inviável que um mesmo produto contenha tanto os surfactantes aniônicos quanto os catiônicos. Eles não conseguiriam fazer o seu trabalho de maneira eficiente porque, enquanto um surfactante abriria as cutículas dos fios, o outro estaria fazendo o efeito contrário, ou seja, fechando os fios. Dessa maneira é quase impossível fazer uma limpeza de maneira eficaz.

Então, o que é melhor para o meu cabelo?

Primeiro você deve escolher produtos de acordo com o seu tipo de cabelo, considerando também fatores como coloração, uso de chapinha e secador, e procedimentos que modificam a estrutura capilar. Com os produtos adequados, estabeleça uma frequência de hidratação — pelo menos de 15 em 15 dias — e também invista na reconstrução dos fios. Adquira produtos que tenham o pH parecido com o do cabelo, ou seja, entre 4,5 e 5,5.

Como você pode notar, comprar shampoo e condicionador separados é o melhor para que seu cabelo aproveite a função de cada um da maneira correta, deixando o shampoo 2 em 1 de lado. Outra dica é sempre adquirir os dois produtos da mesma marca, porque eles apresentam substâncias que ajudam-se mutuamente quando entram em contato, garantindo maior eficiência e beleza no tratamento dos fios.

O que você acha do shampoo 2 em 1? Já testou? Ou prefere outros produtos na hora de lavar os cabelos? Conta pra gente nos comentários!